Jovem pianista de Belford Roxo faz recital em praça para ajudar a Apae

  • Publicado em Matérias

Os organizadores pedem que, quem puder, leve um quilo de alimento não perecível.

Jovem pianista de Belford Roxo faz recital PIANISTA ISAQUE Rafael Barreto PMBR DivulgacaoO pianista belforroxense, Isaque Alves da Silva, 12 anos, mostrou que “não sai do tom” quando o assunto é solidariedade. Mesmo depois de ganhar notoriedade em diversas matérias publicadas, o garoto manteve os pés no chão e realiza, neste sábado (19/9), a partir das 17h, na Praça de Heliópolis, Belford Roxo, o “Recital de Piano Você com a Apae”.

Os organizadores pedem que, quem puder, leve um quilo de alimento não perecível.

Na praça serão colocadas 400 cadeiras, com distância de pelo menos um metro e meio uma da outra. Além da higienização das mãos com álcool em gel, será obrigatório o uso de máscaras. Um dos objetivos do evento é ajudar à Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae). Quem quiser também pode colaborar com a “vaquinha”. Basta clicar no link vaka.me/1253593 e fazer qualquer doação em dinheiro para a entidade.

Leia também: Molécula rara em Vênus pode sinalizar presença de vida extraterrestre

Esta será a primeira vez que Isaque se apresentará em Belford Roxo e o músico não esconde a ansiedade em tocar para o público de sua cidade. “Não conseguirei dosar a emoção, mas tocarei para muitas pessoas que conheço e para outras que terão a oportunidade de participar de um recital”, resumiu o menino de 12 anos.

Isaque mostrou sua vocação aos nove anos, quando pediu para tocar o teclado do pai. Achando que era apenas uma brincadeira de criança, Isaque surpreendeu toda a família. “Ele tocou “Charios of Fire” (tema do filme Carruagens de Fogo) de forma impecável. Tirou a música de ouvido sem eu nunca ter ensinado nenhuma nota. Depois disso, levei o Isaque até uma escola de música aqui em Belford Roxo. O professor ao vê-lo tocar nos disse que ele seria um grande pianista. Em três meses o menino já tocava repertório clássico de Bach, Mozart”, conta com orgulho Marcos da Silva, 46 anos, pai de Isaque.